Pesquisar este blog

Carregando...

domingo, 1 de maio de 2011

"... É esta a nossa hora e o tempo para nós...Que chegue em todo canto nossa voz..."

Momento de integração entre os jovens do JUDIC com almoço e filme na casa da Luanna e depois participação na procissão do Domingo de Ramos.








"A juventude unida clamando noite e dia
Com gritos de esperança e de paz

Estamos pelas praças e somos milhões
Nos campos nas favelas somos multidões
Perdidos procuramos um caminho
Ninguem vai ser feliz se andar sozinho

A flor da liberdade em nosso olhar.
Paixão, ternura e sonho em nosso ar
 De olho no futuro, nós estamos
é a vida que amamos e buscamos.
 
É esta a nossa hora e o tempo é pra nós
Que chegue em todo o canto a nossa voz
Miremos bem no espelho da memória
Faremos jovem e linda nossa história"
Esperança Jovem - Zé Vicente


JUDIC
Paroquia Santa Clara de Assis

segunda-feira, 28 de março de 2011

É caminhando que se faz o Caminho

Jusac-Olhando nossa Caminhada
          Olá pessoal,somos do grupo se jovens JUSAC(jovens unidos seguindo o amor de Cristo).No encontro de ontem(domingo)falamos sobre o tema:Pra quem não sabe aonde ir qualquer lugar serve,para trazer presente o Protagonismo Juvenil e a importância de sabermos para onde o grupo quer chegar.
        Muitas vezes não paramos para pensar na nossa caminhada, quanto grupo e como pessoa..Aonde queremos chegar?Se chegamos lá?Que desafios tivemos que infrentar?''A pessoa se realiza projetando-se,isto é,realizando suas possibilidades.Estas são limitadas pelo seu ser atual se prolonga,projetando-se no futuro.O ser humano é um Projeto infinito'(L.Boff)''.Alguns afirmam que ''o ser humano é uma eterna busca''seja se si mesmo,do outro,da felicidade,da sabedoria...Enfim,não é um ser estático,mas tem um sentido na vida,um caminho.
         É sempre importante lembrar para todos nós jovéns, que independente de cada desafio que aparecer,ao longo de nossa caminha,cristo nos ensinou a não ter medo de lutar.Nós Pjoteiros sabemos onde queremos chegar,na tão falada Civilização do Amor...Mas será que vocè esta fazendo a sua parte para chegar ate lá?não basta apenas querer e sim agir..pense nisso.


Enfim...fica a dica para todos nós jovéns..Vamos ser carpinteiros do mundo,vamos ser carpinteiros de nós mesmos,para jamais perder o desejo de construir,mudar o mundo.


JUSAC.

Abraços a Todos.



quarta-feira, 23 de março de 2011

América Latina celebra o Dia Mundial da Água


    Água é fonte da vida. Não importa quem somos, o que fazemos, onde vivemos, nós dependemos dela para viver. No entanto, por maior que seja a importância da água, as pessoas continuam poluindo os rios e suas nascentes, esquecendo o quanto ela é essencial para nossas vidas. 
     A água é, provavelmente o único recurso natural que tem a ver com todos os aspectos da civilização humana, desde o desenvolvimento agrícola e industrial aos valores culturais e religiosos arraigados na sociedade.
    É um recurso natural essencial, seja como componente bioquímico de seres vivos, como meio de vida de várias espécies vegetais e animais, como elemento representativo de valores sociais e culturais e até como fator de produção de vários bens de consumo final e intermediário.
     Segundo estatísticas, 70% do planeta é constituído de água, sendo que somente 3% são de água doce e, desse total, 98% está de água subterrânea. Isto quer dizer que a maior parte da água disponível e própria para consumo é mínima perto da quantidade total de água existente na nossa Terra.
     Nas sociedades modernas, a busca do conforto implica necessariamente em um aumento considerável das necessidades diárias de água.Os recursos hídricos têm profunda importância no desenvolvimento de diversas atividades econômicas.       
    Em relação à produção agrícola, a água pode representar até 90% da composição física das plantas. A falta d'água em períodos de crescimento dos vegetais pode destruir lavouras e até ecossistemas devidamente implantados.Na indústria, para se obter diversos produtos, as quantidades de água necessárias são muitas vezes superiores ao volume produzido.
     Observando os dados abaixo, percebemos que precisamos começar a utilizar a água de forma prudente e racional, evitando o desperdício e a poluição, pois:
- Um sexto da população mundial, mais de um bilhão de pessoas, não têm acesso a água potável;
- 40% dos habitantes do planeta (2.400 milhões) não têm acesso a serviços de saneamento básico;
- Cerca de 6 mil crianças morrem diariamente devido a doenças ligadas à água insalubre e a um saneamento e higiene deficientes;
- Segundo a ONU, até 2025, se os atuais padrões de consumo se mantiverem, duas em cada três pessoas no mundo vão sofrer escassez moderada ou grave de água.


Lembrando que a Campanha da Fraternidade de 2011 é: Fraternidade e a Vida no Planeta.
Lema "A Criação Geme em Dores de parto" (Rm 8,22).
A Campanha da Fraternidade de 2011, de maneira primorosa como sempre, vem justamente nos alertar desta verdade tudo o que fazemos pode prejudicar ou ajudar a salvar nosso planeta nos dá a oportunidade de como uma família sentarmos juntos e elaborarmos ações para salvar a nossa casa.

segunda-feira, 7 de março de 2011

"O HOMEM QUE SABIA DeCiDir"


O homem que sabia decidir 
Em uma cidadezinha bem distante, chamada Duvidópolis. Nela, havia um homem alto e imponente. Nessa cidadezinha, as pessoas eram bem tranquilas até que surgisse uma dúvida. Pronto! Era um caos na cidade. Os duvidenses não sabiam o que fazer, não conseguiam se decidir, ficavam totalmente perdidos. Com exceção desse homem, que continuava tranquilo, sem muito se preocupar (vai ver não era da cidade).

Certa vez, houve uma bagunça na cidade. Havia surgido uma grande dúvida e não sabiam de maneira alguma como resolvê-la. Eis o problema: o senhor prefeito, ainda muito jovem - tinha apenas 23 anos de idade - tinha acabado de falecer. Como era muito jovem e não era casado, não tinha filhos. Ora, em Duvidópolis, como não conseguiam se decidir por nada, não havia eleição para o governante da cidade, simplesmente, o filho do prefeito assumia o cargo do pai, e isso acontecia desde à fundação, portanto, eram todos descendentes do Sr. Duvideu Duvidão Duvido.

O caos não passava. Ia se prolongando já por vários dias, até que esse homem alto foi à prefeitura, assinou o livro de ata e assumiu o cargo de prefeito. Afinal de contas, em terra de cego quem tem olho é rei. O problema fora resolvido. A bagunça terminou. Todos voltaram para sua vida normal.

Como era um homem que sabia decidir, a cidade mudou, não mais ficou estagnada. Começou a se desenvolver, a crescer, até que se tornou um grande centro econômico, uma referência na região. Após muitos anos de governo, eis que surge um novo problema. O que fazer? Calma, é só perguntar para o senhor prefeito.

Marcam uma audiência e encontram-se com o senhor prefeito. Perguntam-lhe:

- Senhor prefeito, um novo problema, uma nova dúvida surge na cidade, e não sabemos o que fazer. Então resolvemos perguntar ao senhor. Aqui está: como é o seu nome e de onde o senhor veio?

O prefeito alto e imponente responde:
- Eu vou.
Estagnados, olham-se sem entender.
- Como, senhor prefeito?
- A primeira alternativa.
- Como assim, a primeira alternativa?!?! Dessa vez não lhe demos nenhuma opção para escolher. Simplesmente queremos saber o seu nome e de onde o senhor veio.
- A primeira alternativa, com certeza, a primeira alternativa!
- Como assim? Não conseguimos entender.
- Até logo. Voltem quando precisar. Estou à disposição.

Vão embora sem nada entender. O caos se instala novamente, mas logo passa, porque depois de alguns dias ninguém mais se preocupava em saber o nome do prefeito e de onde ele viera.

Os anos passam, a vida continua, e o prefeito, alto e imponente, envelhece, fica doente e morre. Mas, sem problemas dessa vez, pois ele havia casado com Dona Duvidéia e deixado um filho, que assumiu o seu lugar na prefeitura.

Ao mexerem no corpo para o arrumarem para o velório e o enterro, cai-lhe um envelope do bolso. Abrem o envelope e lá está, sua carteira de identidade. Uma dúvida de vários anos atrás, já esquecida, pode, finalmente, ser resolvida. O homem alto e imponente, prefeito da cidade, chamava-se Decisão Pronta, da cidade de Decididos. Agora entendem porque ele era tão diferente e só escolhia a primeira alternativa.

A cidade, em paz, hoje está nas mãos de um governante sábio, filho do Sr. Decisão Pronta e da Dona Duvidéia. O prefeito chama-se Decisório Duvidoso Pensante. Tudo o que ele vai decidir reflete bem antes de dar a última palavra, pois é isso que devem fazer os que tratam de coisas importantes: pensar bem antes de agir.

José Rodolfo Galvão dos Santos

Mas e o que isso tem a ver conosco, Juventude?
Pensem...


JUDIC
Paróquia Santa Clara


domingo, 27 de fevereiro de 2011

"Judic - Diversão no teatro"

Somos do grupo de Jovens JUDIC (Juventude Discipula de Cristo) da Paroquia Santa Clara, ontem dia 26/02/2011 fizemos um encontro de lazer indo assistir a uma peça de teatro no Centro de Covivencia Carlos Gomes em Campinas, onde encerra-se hoje a 26ª Campanha de Popularização do Teatro de Campinas, um maravilhoso incentivo a cultura que reune grupos de teatro com diversas linhas de trabalho, vivendo e festejando as diferenças no palco.
E com esse post esperamos incentivar tbm todos os grupos a postarem aqui seus momentos...sejam eles de descontração, aprendizado e/ou discussões...para assim podermos juntos compartilhar experiencias e amadurecer enquanto grupo.
"Criar só é possivel com liberdade
Sonhar é possivel sempre"
TON CRIVELARO
Presidente da APTC

JUDIC
PJ Santa Clara

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

POR QUE CRIAR UM BLOG?


Trabalhar com a juventude sempre foi uma missão desafiadora. A Pastoral da Juventude, que tem o jovem como seu objeto de trabalho (objeto no sentido de objetivo, foco...) tornou-se uma grande especialista nisto. A formação integral dos jovens não é uma tarefa fácil. Como atender aos anseios pessoais e afetivos? Como orientá-lo espiritualmente? Como despertar dentro de cada um a sensibilidade para com os problemas sociais, fazendo-o olhar o mundo com os olhos de Cristo? Como fazê-lo ter consciência política e dá-lo ferramentas para a ação, tornando-o assim, um cidadão, e acima de tudo, um verdadeiro cristão?

A organização em grupos é a nossa solução. Um espaço pedagógico em que se permite a troca. O evangelizar e ser evangelizado. A vivência e construção de cada um por cada um, por meio da convivência. O PROTAGONISMO é a palavra-chave do nosso trabalho. O jovem tem que se sentir parte da igreja e responsável também por ela. Assim se faz a travessia do caminho da fé..da construção do Reino!!

Somos então jovens que pensam, que questionam, que choram, que riem, que trabalham, que se divertem, que amam, que brigam...enfim...jovens que vivem!! Que temos fé em um Deus criador e que sabemos da nossa responsabilidade para com a criação. Que cremos no Deus libertador, e que sabemos da nossa responsabilidade para com a libertação de nossos irmãos do egoísmo, da falta de amor, da desigualdade, da miséria, da maldade... Temos uma "paz inquieta" que nos move em busca de um outro mundo possível...o Reino de Deus!

Porém, a maioria dos jovens não conhece esta proposta. Mesmo muitos que são católicos ainda não sabem o que é ser igreja. Parece-lhes ainda ser uma coisa estagnada, uma estrutura que não se mexe...que não permite que acrescentemos nada a ela do que somos...que não é capaz de aceitá-los como são...assim não se interessam em participar ou até mesmo conhecer um grupo de jovens de PJ. Claro que muitos não se identificam com nossa forma de ser e fazer, mas é importante experimentar pra saber!!

E como convencer os jovens a "entrar na roda com a gente"?

Esta pergunta teve que ser respondida em cada época da existência de nossa pastoral, e é a mais difícil de ser respondida, pois em cada época a juventude muda e a resposta deve também mudar! A sociedade globalizada e informatizada atual vem mudando cada vez mais sua forma de se relacionar. Na minha infância as pessoas tinham que chegar no muro pra falar com o vizinho. Quando se tinha alguém de longe pra ligar, procurava-se, geralmente a única pessoa do bairro que tinha uma linha telefônica, que era caríssima, ou um orelhão, que era raríssimo! Agora as pessoas mandam uma mensagem para o mundo todo utilizando seus telefones móveis de dentro de um ônibus indo para o trabalho!!

A internet possibilitou que uma ação ação particular tome proporções globais!! Este texto que estou escrevendo poderá ser lido por alguém em Tokyo (mesmo que este não saiba português...rs), coisa que não se imaginava há 20 anos. Claro que este acesso ilimitado a um gigantesco mar de informações, onde a esmgadora maioria do conteúdo é entretenimento tem seus contras. É evidente que o relacionamento virtual trouxe problemas novos...e todos eles poderão ser enumerados em algum outro post (quem se habilita?). Porém temos que aceitar que as novas gerações, que nasceram imersas neste mundo tecnológico são diferentes, que ninguém hoje vai deixar de mandar um e-mail pra escrever uma carta (a não ser que tenha propósitos além do que simplesmente se comunicar...) e assim, buscar outras maneiras de atingir os mesmos objetivos! Temos que buscar os jovens onde eles estão...mesmo que seja em um mundo virtual!!

É neste intuito que criamos este blog. Pra mostrar a nossa cara...pra jogar algumas gotas de fé, esperança, anúncio do Reino neste oceano de informações. Fazemos então este convite a você, leitor, que faça a diferença neste mundo...que seja o personagem principal na sua vida...e se você se diz cristão, seja juntando-se a nós ou a outros, que faça por merecer este título e assuma a sua proposta de vida! Deus chama a gente pra um momento novo! Como você vai responder?

"Alegra-te, jovem, na tua juventude, e recreie-se o teu coração nos dias da tua mocidade; anda pelos caminhos que satisfazem ao teu coração e agradam aos teus olhos; sabe, porém, que de todas estas coisas Deus te pedirá contas." (Eclesiastes 11:9)

Arlindo Coutinho - PJ Sumaré - Paróquia Santa Clara.